segunda-feira, 28 de maio de 2012

Mitos frequentes sobre amamentação

Hoje eu lí uma mãe dizendo que o pediatra tinha receitado complemento pro bebê pois ela estava com mastite. Eu quis infartar na hora que lí isso pois a única coisa que eu consigo pensar é que esse pediatra está a serviço de outra$ pe$$oa$. Então vamo lá.


- Quando a gente faz cesárea eletiva (aquela em que vc escolhe o dia e a hora do bebê nascer), o seu corpo mamífero não se prepara e não entende porque é que aquele bebê saiu antes do tempo da sua barriga, daí não produz leite. O trabalho de parto manda pro cérebro a menssagem seguinte: "opa, o útero tá contraindo, logo logo vai ter um bebêzinho aqui! preciso começar a produzir leite!", ou seja, se não tem trabalho de parto, não tem liberação de prolactina, consequentemente a descida do leite fica prejudicada. Não é que vc não vá ter leite se fizer cesárea eletiva, mas vai demorar mais pra ele descer.

- Amamente na primeira hora de vida do bebê!
Mesmo se vc fez uma cesárea, dá pra amamentar enquanto eles te costuram, é só ter boa vontade por parte da equipe. Se você teve parto normal então, não tem nem justificativa pra vc não amamentar. Amamentar na primeira hora de vida do bebê estimula o reflexo de sucção, diminui o tempo que o leite demora pra descer e aumenta o vínculo com o bebê. É direito do bebê mamar na primeira hora de vida e você deve checar na maternidade se vc vai poder amamentá-lo assim que nascer. Tem hospital que, quando o bebê nasce, já vai lá fazer todas aquelas intervenções de rotina completamente desnecessárias (colírio, vacina, esfregar) e leva a criança direto pro berçário. Berçário é a invenção humana mais idiota do mundo. Seu filho fica lá, chorando a plenos pulmões e tendo como companheiros de ambiente outros bebês que estão chorando, daí, pra "mãezinha descansar", o hospital vai lá e da NAN ou então água glicosada, oq enxe a barriga do seu bebê. Quando levam o bebê pra ver a mãe, obviamente que ele vai estar sem fome, porque já foi alimentado, e não vai querer mamar, daí ele não mama e não estimula a produção de leite, o que leva o pessoal da maternidade a dar mais complemento e assim você já sai do hospital cliente da Nestlé. Não permita que isso aconteça! Além de ser uma mega crueldade deixar a criança chorando num berçário, isso pode atrapalhar horrores a sua amamentação.

- Não existe leite fraco ou pouco leite. Se vc não fez nenhuma intervenção cirurgica nas mamas (silicone, redução de mamas), a chance de você não ter leite é de 0,00001%. Todo mamífero tem leite. Você por um acaso já viu alguma cabra duvidar da qualidade do próprio leite? Ou uma índia dizer que o leite dela não sustentava? Então porque é que você acha que o seu leite é fraco menina? "Ha mas o meu bebê fica irritado quando mama, daí o pediatra mandou complementar pq ele chora muito de fome". Bebês pequenos choram, e choram muito. Tem dias que eles choram o tempo todo e deixam a gente enlouquecida, e isso é perfeitamente normal, afinal de contas eles moraram 9 meses dentro da nossa barriga, apertadinhos, sem barulhos altos, e de repente se vêem obrigados a ter que passar do meio líquido pro contato com o ar, pra um ambiente com vários barulhos diferentes e etc. Isso é MEGA estressante pro bebê que vai sim reclamar até se adaptar ao nosso mundo! Algumas mães tem tanto, mas tanto leite que ele empedra no peito e dá aquela sensação de que estamos carregando 10kg em cada sutiã. Isso é normal, pois o corpo não sabe quanto leite precisa produzir praquele bebê e vai produzir a mais, mas isso se regulariza lá pelo 3º mês. Se o seu peito está muito duro e muito cheio, seu bebê vai ter dificuldades em mamar. O ideal é vc ordenhar um pouco o peito antes de dar mamá, pois assim seu filho vai conseguir abocanhar o máximo da auréola que conseguir e não vai te machucar. Mamar um peito cheio é a mesma coisa que colocar um balão (desses de festa de criança) muito cheio entre os dentes: é super difícil de segurá-lo com a boca. Já um balão mais vazio é mais fácil de abocanhar. A mesma coisa acontece com o peito: quanto mais cheio ele está, mais difícil será de mamar. Não faça compressas de água quente/fria pois isso só vai estimular o aumento da produção. O ideal é que vc ordenhe até o peito ficar mole e doe o excesso pra um banco de leite. Aqui nesse vídeo explica muito bem como fazer a massagem e ordenhar:

- Se o seu bebê não está engordando o suficiente, vá a um banco de leite e veja se a pega está correta. Pediatra ATÓRA receitar NAN por qualquer motivo: "leite fraco", bebê muito gordo, bebê muito magro, bebê que dorme demais, bebê que dorme de menos, e nessa receitação de leite artificial pra tudo quanto é bebê, acabam ignorando problemas mais sérios. Esses dias num dos grupos de auxilio ao aleitamento materno dos quais eu participo, uma mãe que parou de amamentar quando o filho tinha menos de 1 mês porque a criança não engordava veio nos contar que o que o bebê tinha, na verdade, era intolerância a proteína do leite de vaca. Ou seja, a criança precisou sofrer durante 4 meses e ser desmamada até o pediatra ter a brilhante idéia de investigar as possíveis causas pro não ganho de peso. Criança que não ganha peso pode ter uma série de fatores não associados ao leite da mãe, como por exemplo: infecção de urina, intolerância a proteína do leite de vaca contida no leite da mãe (nesses casos tudo se resolve com a mãe fazendo dieta de exclusão de leites e derivados lacteos), gripes e outras doenças, mudanças no ambiente e na rotina familiar, introdução de mamadeira ou chupeta. Antes de enfiar uma mamadeira cheia de leite artificial no seu filho, esgote todas as possibilidades de aleita-lo! Vá a um banco de leite, procure ajuda de uma consultora de amamentação, peça ajuda a uma amiga que amamentou por um longo período, enfim, busque alternativas! O desmame não é indicado sob hipótese alguma! Seu leite é o melhor que o seu filho pode tomar! Você já leu o rótulo de uma lata de leite artificial? Já viu o tanto de vitaminas que tem no NAN? Pois é, seu peito produz pelo menos 10x mais o número de vitaminas que tem em qualquer leite artificial da vida. Vale muito mais a pena investir em pagar uma consultora de amamentação pra te ajudar do que ir lá na farmácia comprar a latinha! E lembre-se sempre: bebêzinho chora, chora mesmo! Se ele tá chorando não é necessariamente de fome.

- Não dê chupetas e mamadeiras! Ambas podem causar desmame precoce devido à confusão de bicos. Mamar é algo inato dos bebês e faz parte do instinto de sobrevivência. Toda criança que não nasce prematura (e aí entra de novo um dos fatores negativos a se fazer uma cesárea com hora marcada pois aumenta o risco de vc tirar o seu bebê antes dele estar pronto) tem instintivamente a capacidade de sugar o seio da mãe. Se você coloca uma chupeta ou mamadeira na boca dele, isso poderá confundi-lo e fazê-lo ficar preguiçoso, pois o movimento que o bebê executa ao chupar chupeta e tomar mamadeira é completamente diferente do movimento de sugar o seio. Óbvio que existem bebês que continuam mamando apesar de chupetas e mamadeiras, mas grande parte desmama, e né, você não vai querer correr o risco?

- Dificilmente uma criança irá largar o peito por livre e espontânea vontade antes de 1 ano de idade. Qualquer desmame feito antes disso é considerado desmame precoce.

- Não teve jeito e precisou complementar? Utilize a sonda de relactação! Assim vc garante que o seu bebê vai estimular o seu peito a produzir mais leite e estará complementando do mesmo jeito. Não se faz nenhuma complementação ao leite materno na mamadeira, nunca, jamais, sob hipotese alguma. O ideal é usar o relactador, mamadeira colher, copo de café ou copo de transição. A relactação consiste basicamente em colocar uma sonda no copo com o leite artificial e a outra parte dela na boca do bebê através do seu seio. Aqui explica como prodecer pra fazer a relactação (que pode ser feita inclusive por mães adotivas que desejam amamentar ou por mães cujos filhos já desmamaram e desejam voltar a amamentar).

- Não dê de mamar olhando no relógio! Sério, jora fora os relógios da casa! Criança mama o tempo que quiser, quantas vezes por dia quiser! Se você amamenta com horários, pode estar se auto-boicotando no sentido de inviabilizar a produção de leite! A maior parte do leite é produzida durante a mama, então se você regula as mamadas segundo os horários e não segundo o apetite do bebê, você pode estar prejudicando-o e deixando-o com fome! E também não tem essa de mamar "15 min num peito e mais 15min no outro". Não, não não! Isso é completamente errado! Você tem que amamentar no mesmo seio até o bebê esvazia-lo por completo! Só assim você garante que ele mame o leite anterior (o leite do começo da mamada, que é mais aguado e mata a sede) e o leite posterior (o leite do final da mamada, que é mais calórico, sacia a fome e faz a criança engordar). Se vc controla quanto tempo o seu bebê está mamando, ele pode não estar consumindo as calorias necessárias.

- Peito murcho não é sinônimo de pouco leite!
Peito murcho significa única e exclusivamente que o seu corpo ajustou a produção de leite à demanda do bebê! Meu peito não fica cheio desde que a Aurora tinha 3 meses, e hoje, no auge dos nossos 1 ano e 8 meses de amamentação, ele continua murchinho murchinho! A maior parte do leite é produzido durante a mamada, então não interessa se o peito está murcho, ainda assim vc está produzindo leite!

- Tirar leite com a bombinha elétrica ou manual requer muita habilidade. A gente só aprende direito como faz depois de muitas tentativas, portanto é perfeitamente normal que vc tire 10ml nas primeiras vezes. Na minha primeira ordenha, a muito custo e com muita munheca, eu conseguí míseros 5ml! Na segunda, ídem. Na terceira ou quarta eu já conseguia tirar 70ml! Então não fique achando que não tem leite só pq não consegue ordenhar! Ademais, como eu já disse, maior parte do leite é produzida durante a mamada e a mãe precisa do estímulo do bebê pra produzir leite, por isso é legal ter uma foto ou roupa do bebê por perto na hora de ordenhar. A melhor bomba é o seu bebê! Se ele molha 6 fraldas de xixi por dia, então ele está hidratado e bem nutrido.

- É normal o bebê perder até 10% do seu peso ao nascer e só recuperá-lo ao final do primeiro mês de vida. Isso acontece pq o bebê ainda está aprendendo a mamar e acaba perdendo um pouquinho de peso nos primeiros dias. Tem pediatra que quer que a criança engorde 2kg no primeiro mês. Gentem, isso é um absurdoan! Se o teu bebê igualou o peso do nascimento ao final do primeiro mês de vida, tá tudo ok tá? Não precisa se preocupar.

- O leite pode demorar, em média, 6 dias pra descer. Até lá o bebê mama o colostro, leite riquissímo em anticorpos e outras substâncias que vão proteger o seu filho. O meu só foi descer lá pelo 5º dia (devido à cesárea e a quantidade absurda de remédios que a gente tem que tomar pra não sentir como se uma faca tivesse transpassando a gente), mas costuma descer no 3º, 4º... Mas pode demorar até 6 dias ok? Se não descer no dia do nascimento, fique tranquila, pq é perfeitamente normal.

- Perto dos 3 meses de vida os bebês aprendem a mamar e a nossa produção de leite se estabiliza, dando a falsa impressão de que o leite secou e por isso o bebê mama rápido. Mas não é isso. Se o bebê mama só 5min por vez, é porque a mamada se tornou tão eficiente que antes o que ele levava 40min pra fazer, agora faz em 5min e é tudo normal! Tem mais sobre a crise dos 3 meses nesse post aqui.

No mais, fique calma. Mãe nervosa é sinônimo de bebê nervoso. Crianças até os 2 anos de idade são exatamente o reflexo da mãe. Se você tá nervosa, esquece a casa, a louça, a roupa suja e vá dormir com o seu bebê! Descanse com ele e peça ajuda pra uma diarista, prima, mãe o qualquer outra pessoa. No grupo virtual de amamentação a gente tem um ditado que diz "se o bebê dorme, a mãe também dorme". Isso é imprescindível pra uma boa amamentação. Mãe descansada é mãe disposta e com leite! Não deixe que te estressem com coisas mundanas, afinal de contas a prioridade do momento é o bebê, e não a roupa suja ok? Faça o marido se encarregar dessas coisas, e se ele vier com a desculpa de "eu tô cansado pq trabalhei o dia todo" experimente deixa o bebê com ele por algumas horas pra ele ver o que é trabalho de verdade!

10 comentários:

Ju disse...

Nossa, esse post foi super completo! É isso mesmo, não pode dar uma brecha que aparece tudo quanto é pediatra safado querendo boicotar a amamentação...

helogoudel disse...

Morri com a perna cruzada da Aurora

Lorraine disse...

post de utilidade pública!

o que são as perninhas da aurora? coisafofa!

bjos

Paula disse...

Ótimo!!!!
Meus filhos mamaram (muito) no peito. Todos dois não acompanham a tal curva de desenvolvimento (são pequenos e baixos), mas são extremamente saudáveis. Ou seja, desenvolvimento depende também da genética.... Leite materno é vida, e muitos pediatras insistem em anular essa fonte de vida.
Amamentar sempre!!!!

Anônimo disse...

Muito bom, muito obrigada...estou na crise dos 3 meses que até então não sabia que existia...obrigada!!

Anônimo disse...

Estou no terceiro filho e amamentei os outros dois e agora estou amamentando esse tb. Parei nesse blog por procurar sobre peito murcho pois dessa vez meus peitos estao bem mais murchos q das outras. Respeito a opiniao, mas acho q o post serve p deixar as maes q nao conseguem amamentar cheias de culpa. Explico: existem sim maes q nao produzem leite suficiente, claro q tem q ser investigado, mas ja presenciei na familia e a mae é medica...tentou de tudo p amamentar e nao conseguiu.
Bebe q chora mto é sinonimo de mae cansada e sem descanso a producao de leite diminui
Maes q se preocupam e amam querem sempre amamentar e so essas vao ler textos como esse, entao p q enche las de culpa se nao estao conseguindo ao dizer q sempre da, mae sempre pode. As vezes nao da... E ainda bem q existe o LA. Ja pensou se a unica opcao fosse leite de vaca???

Anônimo disse...

Eu amei esse texto!!! Perfeito!!!
Amamentar exige muito ! Doi muito no inicio! mais passa! Nunca desistam !!!!

Anônimo disse...

Não sei qual é a sua formação, mas bem provável que nenhuma:
Intolerância a proteína do leite de vaca não existe.
Existe alergia a proteína do leite de vaca e intolerância a lactose, são coisas totalmente distintas, se quiser orientar as mães e educa-lãs, procure se informar melhor para não escrever absurdos.

Marines Marques disse...

Tenho 3 filhos agora.O bebê com 7 dias.Estou amando amamentar, sem falar que meu corpo está voltando ao normal rapidinho. Aconselho que por mais que seja difícil aprender a ordenhar, não há mais nada gratificante do que ver o bebê saudável pelo aleitamento materno. Durante a gestação assisti muitos vídeos de como amamentar, no qual me ajudou muito e me incentivou a não desistir...portanto vamos lá mamães, bora amamentar com prazer!!!

Marines Marques disse...

Tenho 3 filhos agora.O bebê com 7 dias.Estou amando amamentar, sem falar que meu corpo está voltando ao normal rapidinho. Aconselho que por mais que seja difícil aprender a ordenhar, não há mais nada gratificante do que ver o bebê saudável pelo aleitamento materno. Durante a gestação assisti muitos vídeos de como amamentar, no qual me ajudou muito e me incentivou a não desistir...portanto vamos lá mamães, bora amamentar com prazer!!!